Internação Voluntária, Involuntária e Compulsória

A internação voluntária ocorre quando o próprio paciente concorda em obter ajuda para o seu tratamento.   A internação involuntária é decidida por médicos e familiares para pacientes que estão impossibilitados de tomar decisões devido os transtorno e distúrbios psiquiátricos. Para essa modalidade temos que emitir uma notificação ao Ministério Público no prazo de 72

Tempo de Internação

O período mínimo de internação é de 30 dias, no entanto, nosso tratamento temo período estimado entre 90 a 120 dias. Levamos em consideração a individualidade de cada pessoa, suas necessidades e o comprometimento com o tratamento, por isso avaliamos e orientamos conforme sua evolução.

Planos de pagamento e Convênios

Fusce porta augue quis erat dignissim, id laoreet sapien pulvinar. Nullam blandit nisi ac nulla tempus, ultrices condimentum elit ultrices. Donec semper accumsan ligula, ut rutrum purus ultrices id. Aenean eleifend velit at nibh consectetur pretium. Vestibulum at justo quis ex venenatis aliquet. Ut porta, nunc sed venenatis maximus, lectus magna maximus dui, vel lobortis

Contatos Importantes

Todos os contatos são disponibilizados no Manual de Orientação a Família. Para mais informações entre em contato com a recepção e ramais através do telefone (15) 3241-1790 ou WhatsApp (15) 99808-5955.

Check-In

A permanência da família no hospital é de extrema importância até o momento em que seja feito o rol de entrada do paciente. O tempo estimado é de 1h, podendo variar conforme a demanda. O primeiro contato do psicólogo com a família é feito em até 48h caso não ocorra durante a entrada no hospital.

Encaminhamento Médico

Para realizar a internação em nossa instituição é necessário o encaminhamento médico que pode ser solicitado para um médico psiquiatra de referência. Para auxílio e dúvidas entre em contato com o canal de internações (15) 99755-9520 ou (15) 99755-3858.

Assistencia Social e Benefícios INSS

Temos em nossa equipe uma assistente social para auxiliar a família e o paciente. O contato deve ser feito através dos canais identificados e disponibilizados no Manual de Orientação a Família.

Ir ao Topo